Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2010

A DISCIPLINA NA IGREJA

Como você define o termo “disciplina”: Uma matéria escolar? Um conjunto de regulamentos com o objetivo de manter a boa ordem de uma determinada organização? Submissão ou respeito a um regulamento? Impor castigo a alguém a fim de ensiná-lo uma questão ética, moral ou espiritual? Sim! E muito mais que isso, pois o vocábulo “disciplina” possui vários significados. Contudo o que mais nos interessa neste momento são dois sentidos dos quais a Igreja mais necessita. Um deles é a “disciplina educativa” e o outro a “disciplina corretiva”. Sobre a primeira, veremos a sua importância para o desenvolvimento moral, espiritual e social da Igreja como um dos seguimentos da sociedade, e do seu papel de resplandecer como luz neste mundo de trevas. Na segunda, veremos a sua necessidade no seio da Igreja assim como ela é necessária no contexto familiar no relacionamento entre pais e filhos.
Para que uma criança possa ter um futuro promissor que lhe garanta a independência financeira, status social e a d…

A BÍBLIA E A IGREJA

“Bíblia” e “Igreja” são inseparáveis. A primeira se trata de uma carta de amor destinada ao homem, na qual Deus revela os seus atributos e a verdadeira história da criação - como tudo começou e como há de terminar. Nela se encontra as respostas para as questões mais impressionantes, que às vezes intrigam intelectuais e cientistas. É por meio dela que tomamos conhecimento da história da queda do homem e dos planos traçados e executados por Deus com objetivo de oferecer a humanidade caída a oportunidade de retorno ao seu estado original, sem pecado; por meio do sacrifício de Cristo no Calvário.

A segunda (Igreja) diria que é o feedbek, ou seja, é o resultado da mensagem contida na carta de amor enviada por Deus. Pois foi por meio do conhecimento de sua vontade e propósitos, que homens santos que viveram até a dispensação atual, conseguiram obedecê-lo e deixar com que a obra de redenção do homem se concretizasse. Pois como o autor dessa magnífica obra se humanizaria se não fossem os gran…

UM CHAMADO A COMUNHÃO

Gênesis é o livro do começo. Começo da história da humanidade e das respostas para vários questionamentos que muitas vezes nos intrigam. Através dele se conhece como tudo foi criado no céu e na terra, inclusive a comunhão que existia entre o Criador e o homem no inicio da criação, e como ela foi rompida posteriormente; bem como da providencia tomada por Deus com o objetivo de reatá-la. Como se vê pelos registros sagrados o pecado foi a causa do rompimento da comunhão que existia no principio entre Deus e Adão, o representante da raça humana. Entretanto, a mesma voz do Criador que soou no Jardim perguntando: “Adão! Adão! Onde estás? Até hoje soa nos corações dos homens. Pois o desejo de Deus é que toda a humanidade tenha comunhão com Ele e com seus irmãos.
A comunhão é algo de grande importância para o homem, pois é por meio dela que ele se torna parte integrante da família de Deus - dos seus sentimentos, dos seus interesses, dos seus objetivos da sua vontade, etc., e como recompensa, …

A MISSÃO DA IGREJA

Quando ouvimos falar em missões, a primeira idéia que temos é que missão começou pela ocasião do envio dos primeiros discípulos (Mc. 16), mas no grego, língua original do Novo Testamento a palavra “Missão” é escrita desta forma: “αποστολή” = Enviar. Nesse caso, se levarmos em consideração o termo original, chega-se a conclusão que, quem primeiro fez missão foi o próprio Deus, ao enviar o seu filho Jesus este mundo para salvar a humanidade pecadora.
A Igreja de Cristo (gr. Ekklesia = um povo tirado para fora) foi chamada do mundo (Sistema comandado por satanás) para cumprir a missão mais importante que possa existir sobre a face da terra – que foi a de propagar a boa noticia acerca da salvação conquistada por Jesus na cruz do Calvário e oferecida a todos os homens.
Ao formar a Igreja, ocasião em que chamou os primeiros discípulos (μαθητές = alunos), disse-lhes: “Vinde a mim e eu vos farei pescadores de homens” Mat. 4:19. A partir daquele momento, eles deixaram suas redes e sua velha prof…